sábado, 26 de julho de 2008

Dia da Vovó

Hoje é Dia da Vovó, e também seria o dia do aniversário da minha avó materna.

Nunca tive avós. Quando eu era pequena, meu avô materno era vivo, mas minha mãe nunca se deu com ele, por isso não tivemos contato. Pra ser sincera, eu tenho uma única lembrança dele sim, daquelas que a gente era tão pequeno que hoje não sabe se é de algum sonho ou se foi verdade mesmo. A gente deveria estar em alguma festa da família e a imagem que eu tenho é de estar abraçando meu avô pelas pernas e olhando pra cima, de tão pequena que eu era. Acho que essa foi a única vez que o vi.

Mas enfim, volto à minha avó. Acho que por ter sido criada mais próxima da minha mãe, e então por ouvi-la sempre falar da mãe dela, tenho um sentimento mais forte pela minha avó Albertina. Ela também foi uma mãe para o meu pai, que perdeu a sua muito cedo. Vó Antonina morreu quando meu pai tinha apenas 16 anos; já havia perdido o pai aos 4.

Hoje faz 41 anos que ela se foi e no meio da manhã me lembrei disso e me peguei chorando. Lamentei não ter pensando antes em combinar com minha mãe de ir a Jundiaí deixar flores no túmulo dela e dizer "olha vó, também vou ser mãe!". Não sei explicar, em todos esses anos eu nunca me senti assim nesse dia, na maioria das vezes nunca lembrei. Deve ser uma daquelas coisas que a gente não explica, só tenta. Minha tentativa de explicar é que quando ela morreu, minha mãe estava grávida de minha irmã com mais ou menos o mesmo tempo que eu estou. O sentimento e a memória devem estar rondando por aí e me acertaram em cheio, nesse período de tanta sensibilidade.

Benção vó! Feliz Dia da Vovó!

quarta-feira, 23 de julho de 2008

É Sófocles

Essa chamada da Folha parece briga de tragédia grega:

Heráclito entra com representação contra Protógenes por vazamento da investigação

Outro vídeo da Solange, a gaga de Ilhéus

Pelo jeito ela vai se tornar ré ré ré ré ré ré ré ré ré repórter da co co co co co co co co co co co co co co comunidade! E cá entre nós, prefiro ela do que o chatôncio alucinado do Márcio Canuto.